Aquela música grudou na sua cabeça? Saiba como se livrar dela!

Aquela música grudou na sua cabeça? Saiba como se livrar dela!

24 Novembro, 2016 Não Por Já Se Sabe

Não importa quem seja você ou o que você faz, mas com certeza você já teve a experiência de ficar com uma música ecoando na cabeça por horas e horas. É um fenômeno muito comum e que acontece com certa frequência, e por mais que você goste da música, depois de um dia inteiro sem conseguir se livrar dela, tudo se transforma em puro ódio. Vamos ver o porquê disso:

O fenômeno foi chamado de Earworm (Minhoca de Ouvido) pelo professor James Kellaris da Universidade de Cincinnati (EUA)

E já que 90% das pessoas vive esse fenômeno pelo menos uma vez por semana, a equipe de Kelly Jakubowski aprofundou os estudos no tema, e descobriu que três fatores contribuem para o loop: ritmo, melodia e intervalos

minhoca-ouvido-2

1. Ritmo

Um ritmo rápido, dançante e otimista torna a música mais pegajosa e mais fácil de ser lembrada.

2. Melodia

A forma da melodia também influencia bastante. Uma estrutura simples e um padrão rítmico (como canções infantis) fazem com que nosso cérebro se lembre disso mais facilmente.

minhoca-ouvido-4

3. Intervalos

Esse é o recurso mais usado pelas músicas pegajosas. A maioria usa intervalos únicos, mas sem se afastar da simplicidade da melodia. “É simples e diferente”, conclui Kelly Jakubowski.

minhoca-ouvido-5

Um estudo que ocorreu entre 2010 e 2013 elegeu as músicas mais grudentas, e Lady Gaga foi a vencedora, já que da lista, 3 são dela:

  • Bad Romance, Lady Gaga
  • Alejandro, Lady Gaga
  • Poker Face, Lady Gaga
  • Can’t Get You Out Of My Head, Kylie Minogue
  • Bohemian Rhapsody, Queen
  • Don’t Stop Believin, Jorney

minhoca-ouvido-6

Também concluiu-se que a música está fortemente conectada a emoções e memórias

Daniel Levitin, neurocientista, músico e professor da Universidade McGill (Canadá) explica que “a razão pela qual temos earworms é, principalmente, por ser a música uma adaptação evolucionária que nos ajuda a preservar informação factual e emocional através de um meio fácil de memorização”

E sabemos muito bem que certas músicas nos trazem lembranças de certos momentos de nossa vida. E é essa resposta emocional que acaba amplificando o efeito earworm

minhoca-ouvido-7

Tá, mas como se livrar da música?

O fenômeno pode durar mais quando a letra é desconhecida, já que o cérebro fica repetindo a parte que conhece para preencher os vazios deixados. Então, uma opção é escutar a música para ensinar ao cérebro o repertório completo.

minhoca-ouvido-8

Outra opção é tentar substituir a música que está na sua cabeça por outra. Muitos dizem que “God Save The Queen”, do Sex Pistols, funciona muito bem.

minhoca-ouvido-9

Se nada funcionar, ocupe a mente para sufocar aquela melodia chata que começa no fundo da sua mente. Televisão não ajuda muito, mas ler um livro exige mais do cérebro, silenciando a musiquinha (e as vozes)

minhoca-ouvido-10

Isso acontece com você? Qual sua técnica para se livrar da pegajosa?

Fonte: Diply

O post Aquela música grudou na sua cabeça? Saiba como se livrar dela! apareceu primeiro em Tudo Interessante.